Instituto Brasileiro de Avaliações e Perícias de Engenharia do Distrito Federal - IBAPE/DF.  CNPJ: 17.495.016/0001-15

Telefone: +55 (61) 99221 5207

© 2015 Criado por INOVAR Consultoria

DIA DO PERITO(A) DE ENGENHARIA E DO ENGENHEIRO(A) AVALIADOR

13 de Dezembro

O perito em engenharia é aquele que investiga, analisa informações colhidas, e apresenta conclusões sobre as condições técnicas, de uso, de manutenção, e de segurança de um imóvel, de uma máquina, ou de qualquer outro produto da engenharia. Um perito judicial traduz a questão técnica num laudo, versando-a numa linguagem que faça juiz e advogados das partes do processo entenderem exatamente o que está acontecendo. O laudo técnico orienta a decisão de um juiz numa ação judicial. O trabalho é de grande responsabilidade e exige senso ético para não se deixar influenciar por interesses particulares (fonte: http://techne.pini.com.br/).

 

O Engenheiro de Avaliações tem a competência para elaborar laudos de avaliação do patrimônio das pessoas físicas e jurídicas para fins de direito; avaliar imóveis urbanos comerciais, industriais e residenciais com o objetivo de estimar seus valores; elaborar laudos de avaliação de imóveis para garantias hipotecárias, penhora, dação em pagamento, desapropriação e outros fins; elaborar laudo de avaliação patrimonial dos bens das empresas: bens móveis e imóveis, instalações industriais, máquinas, equipamentos e outros bens e direitos.

 

O engenheiro agrícola cuida dos processos de produção agropecuária. Ele projeta e administra técnicas e equipamentos usados na lavoura e nas criações. Estuda e implementa métodos de armazenagem, constrói silos, armazéns e estufas, sempre pensando em inovação e desenvolvimento sustentável. Propõe a adoção de medidas que impeçam a erosão e o esgotamento do solo e a poluição de mananciais. Constrói açudes, barragens, sistemas de irrigação e de drenagem. trabalha em projetos de mecanização agrícola e eletrificação rural. A formação permite, ainda, que este profissional trabalhe com os aspectos relacionados à distribuição e à comercialização do produto.

DIA DO ENGENHEIRO (A) CIVIL

11 de Dezembro

O Dia do Engenheiro é comemorado anualmente em 11 de Dezembro, no Brasil.

A data homenageia os profissionais responsáveis em desenhar, projetar e concretizar construções. Sejam residências ou prédios comerciais, o engenheiro é um dos principais responsáveis pela segurança da construção.

O Dia do Engenheiro surgiu a partir do Decreto de Lei nº 23.569, de 11 de Dezembro de 1933, que regulamenta e oficializa as profissões de Engenheiro, Arquiteto e Agrimensor no Brasil.

DIA DO METEOROLOGISTA

14 de Outubro

O Dia do Meteorologista é comemorado anualmente em 14 de Outubro.

A data celebra o profissional responsável em ficar de olho em todas as variações climáticas da Terra. A partir do recolhimento de informações sobre a umidade do ar, pressão atmosférica, temperatura do ar, volume de chuva, entre outras, os meteorologistas conseguem traçar uma previsão da condição do clima para determinada região, ajudando a prevenir acidentes e prejuízos para os setores de serviços e produção.

DIA DO ENGENHEIRO (A) DE ALIMENTOS

16 de Outubro

Este engenheiro ocupa-se da fabricação, da conservação, do armazenamento e do transporte de alimentos industrializados. Trabalha na indústria, participando de todas as etapas de preparo e conservação de alimentos de origem animal ou vegetal, da seleção das matérias-primas e definição do sistema de armazenagem, até o projeto das embalagens. Desenvolve e testa formulações, com a finalidade de determinar o valor nutricional de alimentos, seu sabor, sua cor e sua consistência. Desenvolve tecnologias limpas e processos para aproveitamento de resíduos. A indústria alimentícia é, sem dúvida, o principal campo de atuação deste engenheiro. Mas ele pode trabalhar, ainda, em indústrias fornecedoras de equipamentos, embalagens e aditivos.

O engenheiro eletricista lida com a geração, a transmissão e a distribuição da energia elétrica. Ele está habilitado a construir e a aplicar sistemas de automação e controle em linhas de produção industrial. Trabalha, também, no desenvolvimento de componentes eletroeletrônicos, na operação e manutenção de equipamentos em hospitais e clínicas e em projetos de instalações elétricas. Participa do projeto e da construção de usinas hidrelétricas, termelétricas e nucleares. Além das concessionárias de energia, são tradicionais empregadores o setor de telecomunicações, as fábricas de celulares, as indústrias de equipamentos, automação, fábricas de motores e geradores, consultorias e empresas prestadoras de serviços em computação.

Esse profissional trabalha na prospecção (busca de jazidas), lavra (extração de minérios), separação e concentração do material extraído). Ele(a) estima o tamanho das reservas e a qualidade do minério. Estuda a viabilidade técnica e econômica da exploração, elabora e executa o projeto de extração, escolhendo equipamentos e dimensionando os recursos humanos e materiais necessários. Lida com tecnologias de última geração e com a reciclagem dos materiais descartados. A legislação ambiental exige que este profissional atue sempre tendo em mente a redução do impacto da exploração de recursos minerais sobre o meio ambiente.

O engenheiro florestal dedica-se à exploração sustentável (racional, controlando os impactos sobre o ecossistema) dos recursos provenientes das florestas como madeira, óleos e resinas. Pode trabalhar em projetos de reflorestamento, fiscalizar empresas que exploram recursos florestais, desenvolver processo de aproveitamento e beneficiamento de produtos advindos das áreas de matas.

Please reload